Logotipo MiudosSegurosNa.Net

Bandeira de AngolaBandeira do BrasilBandeira de Cabo VerdeBandeira da Guiné-Bissau
Bandeira de MoçambiqueBandeira de PortugalBandeira de São Tomé e PrincípeBandeira de Timor Leste
Subscreva a Newsletter
[MiudosSegurosNa.Net]

> Definir Homepage
> Adicionar a Favoritos
> Imprimir Esta Página
> Recomendar Página
> Ligue-se a Nós!
> Artigos Para o Seu Site
> Donativos

ARTIGOS DE OPINIÃO - 2004 - AGOSTO
Quando Regressar de Férias, Previna-se.
Por Tito de Morais

Agosto é tradicionalmente o mês de férias. Mas parece que começa também a ser tradição ser um mês marcado pela exploração de falhas de segurança. Disseminação de vírus, worms e outras pragas que tais. Basta lembrarmo-nos o que aconteceu o ano passado. Porquê Agosto? O que fazer para nos prevenirmos?

No fim do dia da passada sexta-feira, dia 30 de Julho, centenas de milhar de portugueses, senão mesmo milhões, iniciaram as suas férias de verão. Alguns partiram e deixaram os seus computadores ligados. Curiosamente, nesse dia, a firewall da minha rede doméstica registou para cima de 1400 (!) tentativas de acesso à minha rede interna a partir da Internet. Quantas máquinas não terão sofrido ataques semelhantes? Quantos dessas tentativas terão sido bem sucedidas? Cada máquina comprometida transforma-se num zombie, instrumento para, por sua vez, tentar comprometer pelo menos outras tantas máquinas.

Muitos dos que partiram de férias, não se aperceberam que nesse mesmo dia a Microsoft publicou um patch há muito esperado para colmatar três vulnerabilidades que recentemente têm provocado grandes estragos entre os utilizadores do Internet Explorer. Muitos, antes de irem de férias, provavelmente também não actualizaram as suas firewalls, anti-vírus e anti-spyware's. A acrescer a este facto, é muito provável (é mesmo quase uma certeza) que nos próximos 30 dias surjam novas vulnerabilidades para as quais só surjam patches e actualizações de segurança posteriormente. Resumindo, ao irem de férias já estavam com os seus sistemas desprotegidos. E se não estavam, facilmente ficarão desprotegidos durante os próximos 30 dias. E se não foram vítimas de ataques antes de irem de férias, é bem provável que, por esta razão, o sejam quando regressarem. Porquê?

A maioria dos utilizadores, quando vem de férias, uma das primeiras coisas que faz é ir verificar o email ou ver este ou aquele site. Seja para se porem a par das últimas notícias, seja para lerem o correio que receberam durante as férias, seja para fazer o relato das suas férias a amigos ou familiares, seja para os notificar que já estão de volta. Ao começarem por aqui, o utilizadores não realizam que estão completamente desprotegidos e sujeitos a serem vítimas da exploração das vulnerabilidades para as quais já estavam desprotegidos, sejam para as que entretanto surgiram. Então o que fazer para nos prevenirmos de surpresas desagradáveis?

Se ainda não foi de férias e planeia deixar o seu computador ligado quando for de férias, não o faça. Quando for de férias desligue o seu computador. A menos que seja um entendido e saiba e possa gerir o seu computador remotamente.

Ao voltar de férias, eis algumas coisas que pode e deve fazer, antes de se precipitar para ler as mensagens de correio electrónico recebidas durante as férias:

  • Antes de se ligar à Internet, corra o seu programa anti-vírus para se certificar que o seu computador não se encontra contaminado.
  • Mal se ligue à Internet, actualize o sistema operativo do seu computador, instalando as actualizações críticas de segurança em falta, de forma a proteger-se das vulnerabilidades de segurança conhecidas e para as quais já existe remédio (patches).
  • Mal se ligue à Internet, actualize a firewall do seu computador.
  • Mal se ligue à Internet, actualize o anti-vírus do seu computador, de forma a proteger-se dos vírus, worms e outras pragas semelhantes mais recentes.
  • Mal se ligue à Internet, actualize o seu programa anti-spyware, para se proteger das versões de spyware mais recentes.
  • Mal se ligue à Internet, actualize os principais programas que utiliza, MS Office, etc.
  • Depois das operações anteriores, corra o seu programa anti-vírus e o seu anti-spyware para se certificar que o seu computador não se encontra contaminado.

Depois de cumprir os passos anteriores, poderão então abrir o seu programa de email para ler as mensagens que se acumularam durante as férias e para visitar este ou aquele site para se por a par das últimas notícias.

Após as férias, estamos tendencialmente mais relaxados. Baixamos a guarda. Podemos até ficar algo displicentes. Os piratas informáticos sabem disso, daí que, tal como as gripes de verão, o mês de Agosto seja prolífico ao nível de problemas de segurança. Se quiser evitar chatices mal venha de férias, não baixe a guarda.

Logotipo do jornal A Capital
in Info&Net, A Capital, Lisboa, 06 de Agosto de 2004



Artigos Anteriores:
> ''Deixem a Porta Aberta'' e Outros Alertas
> Ciber Factos ou Ciber Disparates?
> Os Super Heróis da Segurança na Internet
> Estratégias de Segurança na Internet - Parte II
> Estratégias de Segurança na Internet - Parte I

Rotulado com ICRA - Internet Content Rationg Association
| Início | Recursos | Sobre | Mapa do Site |
                                                 © 2003-2007, Tito de Morais. Todos os Direitos Reservados.